Em 46 dias, Receita liberou 19 mil toneladas de produtos contra a pandemia

26/05/2020

A Receita Federal liberou a entrada de 19 mil toneladas de produtos médico-hospitalares utilizados no combate à pandemia de covid-19 em 46 dias. Divulgado há pouco, o levantamento considera o período de 18 de março a 2 de maio.

 

O conjunto das mercadorias tem o valor de quase R$ 1 bilhão e, de acordo com o Fisco, teve o desembaraço aduaneiro realizado em tempo 33% menor se comparado ao período anterior ao da pandemia.

 

Em nota, o secretário especial da Receita Federal, José Barroso Tostes Neto, diz que o órgão editou em 17 de março a instrução normativa nº 1.927, que simplificou o despacho aduaneiro de produtos de uso médico-hospitalar. “Esse normativo foi fundamental para viabilizar a redução do tempo de liberação dessas cargas”, afirma.

 

Entre os produtos mais significativos estão máscaras e vestuários de proteção (R$ 532 milhões), medicamentos e matérias primas (R$ 146 milhões), kits de teste (R$ 110 milhões) e ventiladores e respiradores médicos (R$ 37 milhões).

 

Fonte: Valor Econômico

Todos os direitos reservados 2002 - 2017. Federação Nacional dos Estabelecimentos de Serviços de Saúde.
fenaess@fenaess.org.br 
SRTVS - Quadra 701 - Bloco "E" - Lotes 2/4 - Edifício Palácio do Rádio II - Salas 227/228
Telefone - 61-3202.4323 e Fax - 3202.6494 
Asa Sul - Brasília/DF - Cep: 70340-902