Ministro da Saúde anuncia novo organograma do órgão

12/03/2019
IMAGEM 4.jpg

O ministro da saúde, Luiz Henrique Mandetta, anunciou um novo organograma para a pasta. Serão criadas a Secretaria Nacional de Atenção Primária, a Secretaria Nacional de Tecnologias de Informação e a Diretoria de Integridade.

Mandetta reconheceu que o financiamento do Sistema Único de Saúde (SUS) precisa ser revisto. “Durante o governo Collor, 30% do orçamento da Seguridade Social era destinado para a Saúde. Hoje, esse montante seria de aproximadamente R$ 280 bilhões, mas o orçamento do Ministério para 2019 é de R$ 130 bi, ou seja, o setor perdeu R$ 150 bilhões em investimentos durante esses anos. Atualmente, os municípios são os entes mais sobrecarregados no financiamento da saúde, mas podemos e devemos discutir o papel da União no financiamento do setor quando o Congresso estiver analisando o orçamento do próximo ano”, adiantou o ministro, reconhecendo que o Brasil ainda não encontrou a fórmula ideal para o financiamento da saúde.

 

A criação de distritos sanitários e a implantação do prontuário eletrônico são outras medidas que serão adotadas durante a gestão de Mandetta. “O Ministério se prepara para redesenhar o mapa assistencial no país. As unidades de saúde, sejam públicas ou privadas, precisam se conversar”, defendeu.

 

Fonte: Com informações da Fehoesp