Sindessmat: Vigilância Sanitária deixa de exigir a contratação do profissional farmacêutico

02/04/2019
891e24420fe316fdc03f8342b23e8d05_L.jpg

O Sindicato dos Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Estado de Mato Grosso (Sindessmat), filiado à Fenaess, conseguiu no último dia 15 de março mandado de segurança que afasta qualquer obrigatoriedade quanto à contratação de profissional farmacêutico aos estabelecimentos de saúde associados ao sindicato, que possuam apenas dispensário de medicamentos em suas unidades.

 

Deste modo, a Vigilância Sanitária deverá conceder o 'Termo de Abertura e Encerramento do Livro de Registro de Medicamentos de Psicotrópicos" e demais medicamentos aos associados do Sindessmat.

 

Além desta, o sindicato possui duas outras decisões favoráveis, que atestam a não obrigatoriedade do profissional farmacêutico em dispensário de medicamento e do registro em Conselho Regional de Farmácia. Entretanto as decisões se restringem apenas aos associados que obtiveram declaração emitida pelo Sindessmat.

 

Caso o estabelecimento de saúde tenha interesse em se associar ao Sindessmat deverá entrar em contato pelo email diretoria@sindessmat.com.br

Fonte: Comunicação Sindessmat